Pais de Alunos de Colégio Militar Manifestam contra a implantação do Colégio Cívico- Militar no Tocantins.

0
1197

 

Na noite dessa última sexta – feira, 01, pais de alunos, servidores e alunos realizaram passeata na cidade de Araguatins e uma reunião de pais em Augustinópolis, com o intuito de reivindicar e apresentar suas insatisfações diante do decreto do Governador Mauro Carlesse.

O decreto do Governador, através da SEDUC, consiste em que os Colégios Militares do Tocantins, CPM’s, a partir de então sofreriam uma mudança para Escolas e Colégios Cívico-Militar.  Que segundo o governo do estado não implicarão em mudanças metodológicas educacionais.

O decreto assinado pelo governador esta semana apresenta mudanças que criaram insatisfações nos pais e principalmente nos alunos. Além da retirada do processo seletivo, a nomenclatura das unidades escolares também será alterada. Diante de tal insatisfação, pais de aluno divulgam carta aberta direcionada ao governador.

A carta trás os principais motivos de indignação dos pais e alunos, segundo a carta, essas mudanças trarão efeitos nefastos para a educação e na disciplina dos alunos. Dentre os principais pontos, estão: A extinção do seletivo, o modelo de disciplina diante de infrações e indisciplina, a retirada do estandarte e mudança na nomenclatura.

Para os pais de alunos, as mudanças trarão vários prejuízos ao conceito pedagógico/disciplinar que é característica dos CPM. Com as mudanças também não será possível distinções como as condecorações, fator estimulantes de dedicação dos alunos em busca de destaque no quadro pedagógico, o uso d estandarte, outro símbolo de orgulho para o alunado, não será usado e principalmente o nome Colégio da Polícia Militar em seus diplomas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here